Cumaru é uma cidade privilegiada sem trânsito de passagem: Uma estrada de 4 km de comprimento liga a estrada estadual PE-95 com o centro de Cumaru – depois é o fim do caminho (exceto algumas estradas de terra precárias que levam os mais corajosos até Surubim, Ameixas e Salgadinho). Pois é: Ninguém chega em Cumaru por coincidência. No município inteiro não há nem hotéis nem pousadas. Para os visitantes sem parentes ou amigos em Cumaru, os alojamentos mais próximos encontram-se em Passira, Salgadinho, Limoeiro, Riacho das Almas, Surubim e Caruaru. Mesmo com esta falta de infra-estrutura para turistas, o visitante modesto e honesto pode contar com a hospitalidade particular de uma boa parte da população de Cumaru, especialmente a da zona rural.

Mapa físico da regiãoMapa físico da região

A maioria dos visitantes procuram Cumaru durante a festa de Santa Terezinha, que é celebrada anualmente no final de Novembro. Uma outra tradição local é a cavalgada no 1o de Maio, e às vezes acontece uma vaquejada ou tourada. Fora dos dias de festividades, Cumaru, tanto no centro como nas zonas rurais, é muito calmo.

Para chegar em Cumaru, há ônibus das empresas Borborema e Coletivo, partindo de Recife, Limoeiro e Caruaru. Além disso, vários motoristas particulares oferecem transportes alternativos em direção de Limoeiro e Caruaru. Os horários destes meios de transporte, aqui disponíveis, são do ano 2012 e por isso desatualizados. Horário dos Ônibus 2012 (pdf)

Para obter refeições, há vários restaurantes, pizzarias, churrascarias lanchonetes e bares que oferecem comida regional à preço muito acessível. Existem também mercadinhos e lojas para produtos domésticos. O correio é aberto de manhã até 13 horas. Cumaru oferece também lan-house, Banco do Brasil, Banco Bradesco, hospital, médico particular, veterinário, óticas, biblioteca pública, dentistas, fisioterapia, posto policial, prefeitura, forum, academia pública ao ar livre, quadra poli-esportiva, campo de futebol, taxi e mototaxis. A feira livre semanal acontece nos sábados de manhã, porém, a maioria dos produtos vendidos vêm de outros municípios.

Atrações turísticas são raras. Recomendação oficial das autoridades do município é a subida da escadaria de pedra até o Alto do Cruzeiro (560 m acima do mar), situado no Norte do centro, um lugar sempre muito ventilado, com uma visão bonita sobre uma boa parte do município e até a Serra Negra, porém sem infra-estrutura gastronómica. Nos fins de semana, muitos turistas frequentam os bares nas margens da barragem de Jucazinho (Sítio Campos Novos) que oferecem a possibilidade de tomar banho de barragem ou de chuveirão (no pé do paredão).

Mapa topográfico do município de Cumaru (jpeg, 2.6 Mb)

A topografia de Cumaru (filme de documentário Youtube, 5' 16")

Uma atração turística ainda pouco explorada são as caminhadas na zona rural. Em muitos sítios existem bares abertos à população local em lugares maravilhosos. Estes estabelecimentos oferecem bebidas e lanches, porém não abrem cada dia. Pessoalmente conheço bares nos seguintes sítios: Riacho de Pedra, Dendê, Cajueiros, Mangueiras, Pangauá, Água Salgada, Queimadas, Água doce de baixo, Tábuas, Derradeiras Águas, Cajá, Chã de Trinta, Poços, Campos Novos, Malhadinha, Serra de Umari. Além de muitas estradas de terra que convidam para fazer passeios de cavalo ou de bicicleta, existem inúmeras trilhas calmas e escondidas que levam o interessado para açudes tranquilos e aos picos ventilados das serras. No caminho, o viajante sempre encontra algo interessante: pessoas humildes trabalhando, casas antigas e bonitas, açudes refletindo as imagens das serras, árvores gigantescas ou animais raros. Visto o alto grau de desmatamento no município, há pouca sombra nos caminhos. Por isso é indispensável levar uma proteção contra o sol. Também é recomendável levar bastante água e evitar caminhadas entre 11 e 15 horas.

Galeria de fotos paisagísticas de Cumaru

Propostas para passeios:

"Espécies de Árvores Raras" (pdf), "Alto do Cruzeiro" (pdf), "Doce e Salgado" (pdf), "Salgadinho" (pdf)

Voltar para Home